Crime Continuado. A distinção de tratamento no CPM e no CP Comum: existe razão para isso?

O artigo, gentilmente cedido pelo autor, Ronaldo João Roth, juiz da 1ª Auditoria Militar do TJM, invoca a questão da especialidade da lei castrense, rebatendo teses defensoriais. Inclusive, decisão recente do STJ (veja aqui) faz eco às muitas decisões dessa Auditoria Militar sobre o crime continuado.

LEIA MAIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *